Notícias

ESTADOS TÊM R$ 9 MILHÕES DA EMBRATUR PARA PROMOÇÃO INTERNACIONAL

No final do ano passado, a Embratur repassou verba para estados e municípios

Como parte de sua estratégia de gestão compartilhada com os governos municipais e estaduais, a Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo) disponibilizou, no segundo semestre de 2012, R$ 9.211.277,83 para a promoção dos destinos turísticos brasileiros no exterior. A verba foi disponibilizada por meio de convênios, que foram firmados a partir de Emendas Parlamentares e dos seguintes chamamentos públicos: Chamamento de Municípios, Verba Descentralizada Estadual, Chamamento de Voos Fretados.

“Os estados e municípios são grandes parceiros nossos na promoção de destinos brasileiros no exterior”, explica o presidente da Embratur, Flávio Dino. Para ele, essas parcerias colaboram com o cumprimento das metas previstas na Política Nacional do Turismo que tem como um dos objetivos a descentralização e regionalização do turismo em todo o território nacional.

Para usufruir dos convênios, os destinos contemplados passaram pelas adequações propostas pela Embratur. Um exemplo foi o da Verba Descentralizada Estadual, que solicitou que os estados definissem ações para os mercados prioritários, em especial ações voltadas para América Latina, que é o foco da Embratur. Os países latino-americanos são prioridades em razão da proximidade geográfica com o Brasil, considerando que são mercados com grande potencial para a emissão de turistas para os próximos eventos, como a Copa do Mundo e a Jornada Mundial da Juventude (JMJ).

Chamamento de Município


O Chamamento de Município é um convênio que visa à promoção dos municípios como destino turístico no exterior por meio de ações voltadas para mercados específicos. No ano passado, a Embratur abriu edital para a convocação das cidades interessadas e três foram contempladas pela verba, são elas: Gramado (RS); Vitória, (ES); e Foz do Iguaçu (PR).

Cada município terá ações específicas. Gramado, por exemplo, terá que utilizar a verba de R$ 530 mil para a promoção do destino em workshops e feiras que serão realizados em Lisboa, Portugal; Madri, Espanha; Buenos Aires, Argentina; Lima, Peru; Assunção, Paraguai. Já a cidade de Vitória deve usar os R$ 600 mil para a promoção nos mercados europeu e latino-americano. E Foz do Iguaçu deverá utilizar o convênio celebrado no valor de R$ 507 mil, para a divulgação da campanha publicitária “Iguaçu Maravilha da Natureza da Cidade de Foz do Iguaçu”, nos Estados Unidos, na Argentina, Chile, Colômbia, Equador, Argentina, Peru, Uruguai e Venezuela.

Verba Descentralizada Estadual

Ao todo, até agora, 20 estados brasileiros já foram beneficiados com o convênio, entre eles: Ceará, Goiás, Mato Grosso, Acre, Sergipe, Santa Cataria, Paraíba, Alagoas, Bahia, Maranhão, Minas Gerais, Rio Grande do Norte, Distrito Federal, São Paulo, Acre, Pará, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Sergipe, Pernambuco, Rio de Janeiro, Amazona e Tocantins.

Para usufruir da verba os estados interessados tiveram que se adequar às diretrizes propostas pela Embratur. Uma das condições é manter ações promocionais das Unidades da Federação concentradas na América Latina, principalmente em razão da proximidade geográfica com o Brasil, que são mercados que poderão aumentar o envio de turistas ao país durante os eventos deste ano, como a Copa das Confederações e a Jornada Mundial da Juventude.

Chamamento de Voos fretados

O convênio Chamamento de Voos Fretados tem como objetivo a captação de voos chater para determinados destinos. No ano passado foi celebrado convênio com os estado de Sergipe e Rio Grande do Norte, que usaram a verba para captar, por meio de ações como workshops e viagens de familiarização, voos do Chile e Holanda respectivamente.

 
 
Parceiros:

     

Mapa do Site
| Contato
Melhor visualizado em1024x768
Copyright 2000/2008 SINHORES-SP Ltda. Site desenvolvido por Departamento de informática do SINHORES-SP